Träum

Uma hora da madrugada
Sento na minha cama para deitar
Um turbilhão de palavras surge em minha mente...


Nasci para ser um sonho
Sonho não realizado
O imaginado
Não concretizado
Perfeito nos seus pensamentos
Aquilo que se se realiza se torna imperfeito
Se vai
Enquanto o que imaginamos é imaginado muitas vezes
Vivo dos sonhos
Realizo poucos
Não quero que eles caiam no vazio da rotina
No vazio da imperfeição
Nasci para ser um sonho
Me manter no controle
Mas busco alguém que me tire a razão
Alguém que me tire o controle
Esses sonhos, eu sei que se tornam realidade
Nasci para ser um sonho
Acordado
Sem o medo de acordar
Sem o medo do final
Sem o medo do imperfeito
Nasci para ser um sonho
Invadido por outros sonhos



One o'clock in the morning
I sit on my bed to lay down
A vortex of words arise on my mind...

I was born to be a dream
One that does not come true
One imagined
Perfect in your thoughts
One that becomes imperfect when becomes true
That vanishes
While what we imagine is imagined many times
I live from dreams
Few become true
I don't want them to fall in the emptiness of the routine
In the emptiness of imperfection
I was born to be a dream
Keep me on control
But I look for someone that take out my reason
Someone that take out my control
These dreams, I know some become true
I was born to be a dream
Awake
Without the fear of wake
Without the fear of the end
Without the fear of the imperfect
I was born to be a dream
Invaded by several others

PS: in Portuguese is so much prettier!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A importância que damos às pessoas

página em branco

Um fuck pra sociedade!